Escola Telêmaco Borba completa 91 anos

Data 11/09/2009 17:50:01 | Tópico: -

A escola mais populosa do município está prestes a completar 91 anos de história.
Ampliar

Em18 de setembro de 1918, através de decreto governamental nº 720 ficava denominado “Grupo Escolar Telêmaco Borba” tendo como primeiro diretor Leônidas Ferreira em 1923.

Ampliar

O prédio foi construído em 1915 no governo de Carlos Cavalcanti e foi classificada como escola isolada até 1918. No dia 7 de setembro desse mesmo ano aconteceu a sessão extraordinária da Câmara Municipal de Vereadores sobre a presidência do camarista Josino Carneiro da Fonseca que entrou em plenária com o retrato a óleo do Coronel Telêmaco Borba, quadro que se encontra no Museu Histórico Desembargador Edmundo Mercer Junior.



Por vários anos o Grupo Escolar Telêmaco Borba proporcionou a formação primária a muitos tibagianos chegando a ofertar mais de 120 vagas na década de 40.



No ano de 1976 o prédio se tornou pequeno para acomodar todos os alunos e uma nova sede foi construída na rua Victor Taques Bilé.

Ampliar

Atualmente conta com aproximadamente 800 alunos e tem como diretora Rosane Mendes dos Santos.

Quem foi

Telêmaco Augusto Enéas Morosini Borba nasceu em Piraquara em 15 de setembro de 1840. Fez seus estudos em Curitiba concluindo o curso secundário. Desbravou o território compreendido entre os rios Ivaí, Tibagi e Paraná.



Foi quem forneceu a exata denominação ao grupo indígena Caingangue em lugar do termo Coroado. Em setembro de 1904 fundou o jornal semanário “O Tibagy” sendo redator-chefe do informativo. Ainda no ramo literário escreveu o livro atualidade Indígena (1908).

Política

Em 1892 foi eleito o primeiro prefeito de Tibagi aclamado por eleição direta e assumiu a prefeitura por vários mandatos. Como deputado estadual fez seu primeiro discurso na Assembléia Legislativa em protesto contra demissão arbitrária no ano de 1869 aos professores primários.

Foi vice-presidente do Estado do Paraná, inspetor escolar e subdelegado. Coronel Telêmaco Borba faleceu em 23 de dezembro de 1918, vítima da gripe espanhola.


Texto Peter Allan e Nery Aparecido Assunção

Fonte:
Fatos do Meu Paraná - Jamil Elias
História de Tibagi – Edmundo A Mercer
Luiz Leopoldo Mercer
Teu Nome é História – Nylzamira Cunha Bejes
Monografia Os Patrimônios Históricos de Tibagi – Denise Woiciski Angelo

Acervo: Museu Histórico e Galeria dos Prefeitos





Esta notícia foi publicada no Prefeitura de Tibagi - Pr
http://www.tibagi.pr.gov.br/site

Endereço desta notícia:
http://www.tibagi.pr.gov.br/site/article.php?storyid=1251